Juliana Bollini

Juliana Bollini (Buenos Aires - Argentina, 1970) é formada em artes plásticas, pela Escola Nacional de Belas Artes “Prilidiano Pueyrredón” - Buenos Aires, com especialização em Gravura. Na década de 90 começou a realizar trabalhos em papel maché. Cinco anos depois mudou-se para São Paulo, onde vive até hoje e onde desenvolveu um estilo próprio, utilizando sucata e papel como matérias primas principais para a criação de esculturas que, geralmente, depois são fotografadas para a conclusão de um formato final diferenciado da obra. Assim é que tanto as fotomontagens como as esculturas de Juliana estão sendo cada vez mais inseridas em coleções de arte contemporânea particulares. Seu primeiro trabalho em ilustração infantil foi em 2009. Em 2011, o livro “Papai é meu!”, com texto de Ilan Brenman e ilustração dela (Editora Moderna), foi selecionado pela revista Crescer como um dos 30 melhores livros infantis do ano. Em 2012 Juliana fez parte da Mostra Internazionale dell’Illustrazione per l’Infanzia de Sarmede, na Itália. E, esse ano de 2015, publicou, pela Companhia das Letrinhas, o livro "Os nada a ver", em parceria com o escritor Jean Claude R. Alphen.

 

julianabollini.blogspot.com.br

copyright Studio da Ouvidor 2015